EB Godinho livre de contentores da Scholé

Partilha

09 de outubro de 2019


08 de outubro de 2019

EB Godinho livre de contentores da Scholé

Realizou-se, no dia 8 de outubro, uma reunião que contou com a presença de representantes da Câmara Municipal de Matosinhos, da Direção-Geral de Estabelecimentos Escolares, do Agrupamento de Escolas e da Associação de Pais, onde foi decidido que os contentores não serão instalados na EB do Godinho. Foram apresentadas outras soluções à Scholé, para posterior decisão, mas que em nada diz respeito à EB do Godinho.
Em comunicado, a Associação agradeceu a presença dos pais e encarregados de educação que no passado sábado (5/out) se manifestaram frente à escola, considerando que foi a presença destes que possibilitou tal desfecho.


07 de outubro de 2019

Posição dos professores da EB Godinho

(Segue-se a assinatura dos professores da EB do Godinho)


06 de  outubro de 2019

Contra a ocupação da EB do Godinho

No dia 5 de outubro – Dia Mundial dos Professores –, pais, encarregados de educação e alunos da Escola Básica do Godinho organizaram uma ação de protesto contra a colocação de um monobloco no espaço de recreio da Escola, reagindo, assim, à decisão da Câmara Municipal de Matosinhos de ceder 90 m2 do espaço de recreio para o funcionamento da escola privada SCHOLÉ, conseguindo, desta forma, impedir a colocação do referido monobloco. Esta ação provou, mais uma vez, que só é vencido quem desiste de lutar.

O SPN considera que a decisão da colocação do monobloco constitui um total desrespeito pela comunidade escolar e uma subordinação inaceitável de interesses públicos a interesses privados. Representa, ainda, um exemplo claro dos riscos inerentes à municipalização da educação, que a experiência de outros países demonstra ser um primeiro passo para a desregulação e privatização da educação pública.

Sabendo que os professores da escola estão solidários com a ação que os pais desenvolveram e estiveram presentes nessa contestação, a Direção do SPN associou-se a essa iniciativa, numa expressão de solidariedade e apoio à comunidade escolar de uma escola pública que se vê invadida por uma escola privada, por decisão arbitrária da autarquia.

Esta foi mais uma oportunidade de contestação e rejeição do processo de municipalização da educação.


O protesto nos órgãos de comunicação social

RTP – Pais, alunos e professores fecham escola a cadeado

SIC – O protesto numa escola de Matosinhos que levou a câmara a recuar

Porto Canal – Protesto trava pavilhão de aulas privado no recreio de escola pública em Matosinhos

CM - Pais protestam contra instalação de contentores para alunos da privada na EB do Godinho em Matosinhos

JN – Pais contra contentores na escola para acolher alunos de escola privada


  

 

  

 


04 de outubro de 2019

Comunicado da Associação de Pais da EB do Godinho

COMUNICADO

AP ESCOLA DO GODINHO - MATOSINHOS·SEXTA-FEIRA, 4 DE OUTUBRO DE 2019

Caros Pais e Encarregados de Educação,

No passado dia 20 de Setembro, sexta-feira, a APEE do Godinho foi informada pela direção do agrupamento que estaria em análise por parte da Vereação da Educação de Matosinhos a possibilidade de instalação de contentores no espaço de recreio da escola. Perante esta situação pedimos uma reunião com carácter de urgência ao Sr. Vereador. Na 2ª feira, dia 23 de Setembro, a direção da APEE reuniu com o Sr. Vereador Correia Pinto, e nessa reunião demonstrou as suas preocupações e pediu esclarecimentos sobre o tema.

Na reunião foram passadas algumas preocupações concretas, pedindo por isso que fossem estudadas outras hipóteses, nomeadamente, outra escola circundante, ou, inclusive, a distribuição dos alunos por escolas das suas áreas de residência, tal como acontece com os alunos da escola pública.

Na mesma reunião percebemos que foi equacionada a EB do Godinho pela proximidade, mas face às nossas preocupações seriam avaliadas outras escolas e estudada a melhor solução com base em critérios concretos, como por exemplo o espaço de recreio, para além da proximidade. Ficou também acordado que a nossa opinião, para além da opinião dos professores e do agrupamento seria tomada em consideração na decisão.

Recebemos ontem, dia 3 de Outubro, por parte da direção do agrupamento a informação de que os contentores serão instalados amanhã, dia 5 de Outubro, no recreio da escola. No seguimento desta informação pedimos à direção do agrupamento que fizesse uma comunicação aos pais e encarregados de educação da escola, indicando quais foram os pressupostos que levaram a que a escolha recaísse pela instalação na EB do Godinho.

Enviamos também e-mail ao Sr. Vereador, hoje de manhã, pedindo esclarecimentos sobre o tema. O Sr. Vereador respondeu ao e-mail reiterando a intenção de prestar todas as informações necessárias aos pais e por isso estará amanhã na escola pelas 07h30 para prestar os devidos esclarecimentos.

A APEE do Godinho entende que a solução encontrada deve garantir o bem-estar das crianças da EB do Godinho e que os alunos da Scholé necessitam de um espaço para frequentar o ensino básico. Contudo, é fundamental que se valide de forma transparente e irrefutável que os decisores equacionaram e analisaram bem todas as opções e que optaram pelo que será melhor para os alunos.

Pela APEE do Godinho