Paulo Sucena é sócio honorário do SPN

Partilha

Paulo Sucena é sócio honorário do SPN

Paulo Sucena recebeu, no dia 11 de julho, o cartão de sócio honorário do Sindicato dos Professores do Norte. Junta-se, assim, ao Prof. Ruy Luís Gomes e ao Prof. Óscar Lopes.

A cerimónia decorreu nos jardins do Cristal Park e contou com muitos amigos que quiseram dar um abraço ao Paulo, que ouviu um dos seus poemas musicado e cantado por Tiago Enrique e Joana Manarte (Disco Voador).

Proposta de Paulo Sucena como sócio honorário do SPN

(Aprovada em assembleia-geral)

A designação de sócio honorário do SPN só foi usada até hoje duas vezes, atribuída que foi aos Professores Ruy Luís Gomes e Óscar Lopes, distintos e eméritos professores, lutadores antifascistas e consagradas figuras do meio académico do nosso país.  Compreende-se, pois, ainda que não estatutária, que esta distinção não deva ser vulgarizada e muito menos dependente de juízos de opinião conjunturais ou empatias não consensuais.

Invulgar é sim a  personalidade  de Paulo Sucena, sindicalista ímpar, professor distinto, pedagogo e poeta, a quem ficamos a dever a letra do nosso hino. Tendo sido, como todos sabemos, secretário-geral da Fenprof, foi também desde sempre um amigo próximo do nosso Sindicato, com quem sempre colaborou e a quem dedica um particular apreço. Um companheiro de percurso para além do institucional, que não só não recusa mas sempre responde com prazer e dedicação a qualquer solicitação nossa – e muitas foram e continuam a ser – sendo presença habitual de tantos debates, seminários e colóquios, iniciativas culturais e reflexões escritas sobre a profissão docente, o sindicalismo e os seus caminhos, as lutas sociais de antes e de hoje.

Torná-lo sócio honorário do Sindicato dos Professores do Norte é saber distinguir um dos nossos, é uma atitude honrosa para a sua pessoa mas também um honra grande para o SPN.

Reportagem fotográfica de HB