Professores presentes na manifestação da CGTP

16 de novembro de 2018

Professores presentes na Manifestação de todos os trabalhadores,

mantêm protesto contra um Orçamento que esquece as escolas e os seus profissionais

O Orçamento do Estado para 2019 não serve a Educação, as escolas e os professores. É um orçamento que dá continuidade a uma política de falta de investimento na Educação e que não prevê a resolução dos principais problemas que afetam os professores e as escolas.

No caso dos professores, desde logo, não prevê a concretização do compromisso do governo, assumido há um ano com as organizações sindicais, de se iniciar, em 2019, a recuperação integral de todo o tempo de serviço que esteve congelado, da mes  ma forma que desrespeita a Assembleia da República, ao não dar cumprimento à Resolução n.º 1/2018,e viola a Lei do Orçamento do Estado para o ano em curso.

Face à proposta de Orçamento do Estado para 2019 que se encontra em debate e sujeita a alterações, na especialidade, professores e educadores participaram na Manifestação convocada pela CGTP-IN para dia 15 de novembro. Com essa participação, professores e educadores, mais uma vez, deram expressão ao seu repúdio face à imposição, aprovada pelo conselho de ministros na véspera do Dia Mundial dos Professores,de lhes apagar tempo de serviço que cumpriram.

No caso do ensino superior e da ciência, os docentes e investigadores exigem que o Orçamento do Estado de 2019 preveja as verbas necessárias para por fim aos obstáculos criados a uma efetiva e ajustada aplicação do PREVPAP, do diploma do emprego científico (DL 57/2016), bem como das verbas necessárias ao descongelamento das progressões, nos termos previstos no Orçamento do Estado de 2018.

(Ver declarações do secretário-geral da Fenprof)


10 de novembro de 2018

 

Manifestação Nacional da CGTP-IN

dia 15 de Novembro de 2018

15 horas

Do Marquês de Pombal para os Restauradores

Inscrições: Delegações do SPN

 

No dia 15 de Novembro (quinta-feira), realiza-se em Lisboa, às 15 h, entre o Marquês de Pombal e os Restauradores, uma MANIFESTAÇÃO NACIONAL, promovida pela CGTP-IN, sob o lema “Avançar nos Direitos, valorizar os trabalhadores”.

Em pleno período de discussão na especialidade do Orçamento de Estado para 2019, cuja proposta inicial é manifestamente insuficiente para os educadores e professores e para a Escola Pública, uma boa mancha de professores na manifestação é muito importante, não só para colocar os grandes problemas docentes (carreira, aposentação, horários de trabalho e gestão / municipalização) mas, também, como forma de combater o isolamento mediático ao qual pretendem remeter os docentes.

Neste sentido, o SPN/Fenprof, juntamente com a CGTP-IN, está a organizar transportes pelo que os docentes deverão contactar as delegações do SPN. Caso os educadores e professores necessitem de justificar a falta, a Fenprof emitiu um pré-aviso de greve com esse objetivo.



Anexos

Manifestacao CGTP-IN - 15nov - cartaz Manifestação CGTP-IN - 15nov - flyer

Tags

Partilha