Aos professores do 1.º CEB

Conheça o texto e, caso concorde, subscreva-o.

[Clicar na imagem.]


30 de abril de 2021

As condições de trabalho no 1.º CEB têm vindo a agravar-se e acentuaram-se com a situação de pandemia que vivemos. O Ministério da Educação tem ignorado os professores e tem negado o diálogo negocial tão necessário para a resolução dos problemas

O governo, assim como o PS, limitou-se a usar os docentes que exercem funções em regime de monodocência para efeitos de campanha eleitoral e para ilustração do programa de governo. No entanto, rapidamente deixaram cair as suas promessas no esquecimento. Mas porque a Fenprof não esquece, apresentou propostas para negociação sem que tenha tem obtido respostas.

É preciso relembrar e exigir ao Ministério da Educação respeito pelo trabalho docente e pelas reivindicações dos docentes deste setor. Os professores não deixem que se esqueçam das condições do seu trabalho! Por isso, vão enviar uma carta ao ministro da Educação!


Partilha