MANIFESTAÇÃO E GREVE NACIONAIS (31/jan)

Partilha

10 de janeiro de 2020

Fenprof convoca os professores para Cordão Humano (17/jan), Manifestação e Greve nacionais (31/jan)

A proposta de Orçamento do Estado para 2020, que agora transita para a fase de debate na especialidade, passa ao lado da Educação. Esta área mantém-se financeiramente estagnada, após uma década em que o financiamento público foi reduzido em 12%.

Neste quadro, as escolas não verão reforçados os seus orçamentos, continuando a debater-se com problemas cada vez mais difíceis de resolver. Também os professores são completamente ignorados pela proposta do governo, visto que esta nada prevê para recuperar o tempo de serviço e resolver outros problemas de carreira, para aceder à aposentação sem penalizações, para resolver os abusos e ilegalidades nos horários de trabalho ou para ser resolvido o grave problema de precariedade que continua a afetar o setor. No que respeita aos salários, os professores, tal como os restantes trabalhadores da Administração Pública, repudiam a provocação dos 0,3%, pois esta “atualização”, depois de 10 anos em que o poder de compra se desvalorizou mais de 16%, provocará uma nova desvalorização. Acresce que esta proposta de Orçamento do Estado prevê, ainda, o aprofundamento do processo de municipalização, que os professores contestam e que a FENPROF considera um erro que deverá ser corrigido.

Face ao conteúdo deste Orçamento do Estado, os professores não podem deixar de manifestar o seu forte protesto, pelo que a Fenprof decidiu convocar todos os docentes para:

  • 17 de janeiro – a realização de um Cordão Humano, a partir das 15 horas, em frente à Assembleia da República, durante o debate de especialidade sobre Educação, com a presença do ministro;
  • 31 de janeiro – uma grande participação na Manifestação Nacional da Administração Pública, em Lisboa, convocando, ainda, para esse dia uma Greve Nacional de Educadores e Professores.


Anexos

Pre-aviso de greve de 31 de janeiro 2020 Greve e Manifestação de 31 janeiro - cartaz OE2020 - cartaz