Partilha e solidariedade internacional (12/mai)

12 de maio de 2022

O 14.º Congresso Nacional de Professores contará com a presença de três dezenas de convidados, representantes de organizações sindicais internacionais com as quais a Fenprof mantém relações de cooperação e de solidariedade, vindos da Europa, de África e da América Latina.

Aproveitando a oportunidade, a Fenprof promoveu um Seminário (Porto, 12/mai) com todos os convidados presentes que se constituiu como um espaço de encontro e de partilha de preocupações e experiências, assim como de discussão de estratégias sindicais para dar resposta aos problemas que os docentes enfrentam.

Após um enquadramento das questões prementes, feito por Manuela Mendonça, da Comissão Executiva da IE, os presentes tomaram da palavra para saudar a Fenprof pela iniciativa e agradecer o convite. Focaram, essencialmente, o papel que os sindicatos têm tido na defesa dos professores e de uma escola pública e de qualidade.

No decorrer do seminário, os presentes partilharam as dificuldades que se têm sentido nos seus países e que, afinal, não são muito diferentes das que se sentem em Portugal. O desinvestimento público na Educação, a desvalorização da profissão e o agravamento das condições de trabalho, que têm como consequências a redução de profissionais disponíveis, havendo muitos alunos sem aulas por não haver professor, e de jovens que ambicionem exercer a profissão, as consequências da Covid no desgaste e na saúde mental de toda a comunidade escolar.

Apontaram como solução a solidariedade internacional e a continuação da luta pela valorização da profissão e pelo investimento na Educação Pública, desde a creche ao ensino superior, como fator fundamental no combate à discriminação e à desigualdade social. 


Reportagem fotográfica de HB

Tags

Partilha