Por que vale a pena ser sindicalizado

Partilha

9 de abril de 2020

Por que vale a pena ser sindicalizado/a num Sindicato da Fenprof

[clicar na imagem]

As razões principais para integrar um sindicato são de ordem profissional e, naturalmente, de ordem político-sindical. Ser sindicalizado/a é fazer parte e dar força a uma organização que representa e defende interesses comuns de quem trabalha na mesma profissão. Por maioria de razão, pertencer a um dos sete sindicatos regionais da Fenprof (SPN, SPRC, SPGL, SPZS, SPM, SPRA e SPE) é ser parte da maior e mais representativa organização sindical de docentes em Portugal, uma organização que tem dado provas, como nenhuma outra, de determinação e combatividade, em defesa da profissão docente, mas também de uma Escola Pública democrática e universal, e da garantia constitucional do direito à educação.

Em tempos de incerteza como os que estamos a viver e da crise social e económica que lhe está associada, os sindicatos têm um papel fulcral na defesa do emprego e da legalidade, assim como na luta por condições de vida e de trabalho condignas. Para dar apenas um exemplo, a denúncia das pressões/coações exercidas sobre docentes em várias IPSS/Misericórdias após o encerramento das escolas e a intervenção junto das autoridades administrativas legalmente competentes são ilustrativas de quão importante é a ação dos sindicatos no apoio aos seus associados (em várias vertentes, incluindo a jurídica), em contextos particularmente adversos.

Assim, ser sindicalizado/a num dos Sindicatos da Fenprof é garantir, reforçar e beneficiar de:

  • representação dos docentes e investigadores em processos negociais e judiciais;
  • defesa intransigente dos direitos de todos os docentes, dos setores público e privado;
  • presença efetiva nas escolas, através da realização de reuniões sindicais regulares e da dinamização de núcleos sindicais ativos, com delegados sindicais;
  • atendimento e apoio individualizado (presencial e por telefone ou email) num contexto de sucessivas alterações legislativas e de crescente complexidade no plano socioprofissional;
  • apoio jurídico prestado por advogados especializados;
  • formação contínua gratuita para os docentes sindicalizados;
  • encontros, seminários, colóquios e debates sobre os mais diversos temas ligados à Educação e aos seus profissionais, muitos deles igualmente creditados como ações de formação contínua de curta duração;
  • seguro de saúde (coberturas de internamento e intervenções cirúrgicas, consultas de urgência ao domicílio e fisioterapia, entre muitas outras) em condições bastante mais vantajosas que as do mercado;
  • campanhas comerciais, como para compra de óculos com o pagamento de, apenas, metade do valor;
  • acesso a cartões para descontos em saúde, viagens ou combustível;
  • seguros de acidentes pessoais, de automóvel, da casa, entre outras coberturas em condições mais vantajosas que as ofertas habituais de mercado;
  • acesso privilegiado a linhas de crédito;
  • campanhas especiais para associados dos Sindicatos de Professores da Fenprof, em que se inclui o SPN, em viagens turísticas e atividades de lazer e bem-estar;
  • parcerias e protocolos com centenas de empresas e instituições (descontos em bens e serviços)…

 

Todas as condições podem ser consultadas a partir da página do SPN. Não sendo a promoção de serviços a nossa prioridade, é importante sublinhar que nenhuma outra organização tem para oferecer aos seus associados tanto como os sindicatos da FENPROF: não apenas em apoio, em capacidade de trabalho, mobilização e luta, mas também em serviços de grande qualidade e em condições muito vantajosas, já que uma das vantagens desta rede de apoios é que a maior parte dos protocolos estabelecidos em cada região abrange todos os associados de qualquer sindicato da Fenprof.

Uma última nota:

Estando a decorrer (de 1 de abril a 30 de junho) o prazo para a entrega da declaração de IRS referente ao ano de 2019, poderá verificar o benefício fiscal de que usufrui enquanto sindicalizado/a. Basta que simule duas vezes o valor do acerto, antes de submeter a sua declaração: uma com o valor da quotização anual paga ao seu Sindicato (que já deve estar previamente preenchido) e outra apagando esse mesmo valor. Se comparar os resultados apresentados, verificará que a dedução do valor da sua quota anual tem um retorno significativo em termos de IRS. Se a esta dedução juntar o valor que poderá poupar ao utilizar nem que seja apenas alguns dos serviços oferecidos pelos Sindicatos que integram a Fenprof, poderá mesmo conseguir um retorno superior à quotização.

Por tudo isto, a Fenprof sabe que continuará a contar com a confiança dos Professores, Educadores e Investigadores sindicalizados no Sindicato dos Professores da respetiva região, na sua ação em prol da dignificação e da valorização da profissão docente, mesmo quando, como atualmente, as condições são complexas e difíceis.

Calorosas Saudações Sindicais
O Secretariado Nacional da Fenprof

Ver também:

O maior sindicato do NORTE | Somos a FORÇA que conta!

Anexos

Por que vale a pena ser sindicalizado/a num Sindicato da FENPROF