FENPROF denuncia a asfixia financeira do Ensino Superior e da Ciência

FENPROF apela às instituições para que não cedam à estratégia do governo de protelar os reforços orçamentais e não deixem de renovar os contratos dos docentes precários.

Artigo



FENPROF apresenta proposta para a vinculação de docentes do ensino superior e de investigadores contratados a termo

A FENPROF numa reunião por si solicitada que terá com o Senhor Secretário de Estado do Ensino Superior, na próxima 5ª feira, dia 5/6, às 14h00, irá apresentar de viva voz a este responsável governativo uma proposta que elaborou, na sequência de muitas reuniões que realizou com colegas nas diferentes instituições do ensino superior.

Artigo


Precariedade no Ensino Superior - Inquérito e Requerimentos

Se não é contratado(a), por favor divulgue esta iniciativa aos colegas em situação de precariedade.

Artigo


Novo modelo de financiamento para o Ensino Superior

O Governo anuncia um financiamento do Ensino Superior baseado em critérios de qualidade. Porém, com os violentos cortes orçamentais que tem aprovado (30% em 3 anos) e com medidas que atentam contra a autonomia das instituições, tudo tem feito para impedir condições para essa qualidade.

Artigo


FENPROF exige do MEC abertura de negociações

Em foco as condições da aplicação da Diretiva Comunitária 1999/70/CE aos docentes contratados a prazo em  instituições públicas do ensino superior para que  passem a um contrato por tempo indeterminado, no sentido de eliminar a precariedade.

Artigo


FENPROF reuniu com o Secretário de Estado do Ensino Superior

FENPROF exige:

  • O ingresso na carreira de docentes precários, com a aplicação da Diretiva Comunitária 1999/70 CE
  • O alargamento do prazo para a obtenção do doutoramento ou do título de especialista dos docentes abrangidos pelos regimes transitórios das carreiras
  • A negociação do diploma sobre o regime dos docentes e investigadores das instituições privadas
  • A participação do conjunto da comunidade do ensino superior na reorganização da rede, respeitando a autonomia das instituições, e a discussão pública das medidas propostas pelo governo
  • O esclarecimento das questões da procura, do ingresso, do financiamento e da transferência de créditos, dos cursos de 2 anos aprovados para os Institutos Politécnicos.
  • Artigo


    Um novo rumo para a Ciência, urgência nacional

    A grave situação a que as políticas governamentais conduziram o setor da ciência e da investigação científica, a par de sugestões e propostas alternativas apontadas a uma dinâmica de estímulo e apoio aos investigadores, estiveram no centro do debate que decorreu na passada terça-feira (18/03), no Instituto Superior Técnico (IST), em Lisboa, por iniciativa da FENPROF, através do seu Departamento de Ensino Superior e Investigação. / JPO.   Peça atualizada a 19/03  

    Imagens (J. Caria e P. Machado)

     

    Artigo


    Ciência sem cientistas? Não ao retrocesso da Ciência em Portugal!

    A FENPROF vai realiza hoje, 18 de março, o debate “CIÊNCIA SEM CIENTISTAS? Não ao retrocesso da Ciência em Portugal!”, onde os problemas da Ciência e da Investigação em Portugal serão debatidos. Ver Programa 

    ASSISTA EM DIRECTO OU DIFERIDO a partir de www.fenprof.pt/superior ou directamente aqui


    Artigo


    Cursos curtos

    Está por provar que "meias licenciaturas" sejam iniciativas de interesse para a educação, formação e a qualificação dos portugueses, bem como para o desenvolvimento do país
    • O Governo pretende aprovar “à socapa” cursos curtos não conferentes de grau no Ensino Superior.
    • Prossegue a falta de respeito do Ministro da Educação e Ciência pela lei e pelas Instituições do Ensino Superior Público.
    • A FENPROF exige implicação da sociedade portuguesa nesta alteração de direção estratégica da missão do ensino superior!

    Artigo